sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Seres Humanos

Seres humanos

Seres vagantes, seres pensantes
de energia fluente e exponencial.
Fragmentos na atmosfera,
conexões de um mundo virtual.

Em algum ponto exato, o equilíbrio
Enquanto há movimento, o tempo passa

Passo adiante a revolta, eu passo planos.
Passam anos, passa o rancor.
Com passos largos a vida segue,
passa a vida, passa o amor.

Enquanto a gente dança, com um sorriso pra oferecer!
Enquanto a gente dança!


Seres modernos, nascem sem tédio,
aprendendo a andar e falar

Crescem os corpos, cresce a mente,
condicionados a sentar e se calar.

Em meio aos seus passos, desequilíbrio.
Entre heróis criados e a fé que salva.

Pessoas não precisam, desejam o que não podem ter.
Elas não entendem, não há informação certa.
Elas não toleram, não harmonizam.
Resolvem seus problemas com outros problemas.

Quero te lembrar, todos querem respostas.
Quero te lembrar, todos estão cansado de serem cobrados...
Todos cobram, todos cobram!

Enquanto a gente dança, com um sorriso pra oferecer!
Enquanto a gente dança!

Nenhum comentário: